Cuidados com a Pele do Idoso

Com a aproximação da melhor idade, a pele vai perdendo alguns dos componentes essenciais para manter sua beleza e saúde. Durante esse processo, a pele do idoso sofre algumas alterações tornando-se fina, menos hidratada e com elasticidade reduzida, favorecendo o ressecamento e deixando-a mais fina e frágil, suscetível a machucados, manchas e doenças.

Para prevenir o surgimento de lesões e infecções, é importante tomar alguns simples cuidados com idosos, que garantem a saúde da pele e proporcionam maior bem-estar ao idoso.

Cuidados especiais com a pele do idoso.

Outro cuidado importante é a constante hidratação da pele do idoso, pois sua pele é geralmente bem seca e com tendência a sensibilidade. Quando bem hidratada, de acordo com sua idade e tipo de pele, ela é mais protegida e menos vulnerável a processos alérgicos, irritações e infecções.

Banhos devem se rápidos e mornos, pois aumentam o ressecamento. Usar sabonete delicado, neutro ou infantil, evitando o uso de buchas e esponjas. Utilizar sempre uma toalha macia e evitar esfregar o tecido contra o corpo.

Geralmente, as manchas são fruto do efeito cumulativo do sol. A radiação solar atua na pele causando queimaduras e aparecimento dos cânceres de pele. Assim, é aconselhável que o idoso modere sua exposição ao sol e quando o fizer, esteja utilizando filtro solar para minimizar os efeitos nocivos. Sempre que houver exposição solar, é importante o uso de óculos escuros, chapéus e roupas com tecidos que contenham proteção contra os raios UV.

pele_idoso

 

Devido à maior facilidade de inflamação e infecção na pele do idoso, é importante manter medidas preventivas contra picadas de insetos, fazendo uso de repelentes. Diante de pequenos ferimentos, como cortes e arranhões, lavar o ferimento com água corrente e sabonete neutro, secar bem, usar anti-séptico local e pomada antibiótica. É importante cobrir com curativo adesivo para evitar que o idoso mexa nos ferimentos e possa ocorrer uma cicatrização adequada.

Diversas doenças podem surgir da falta de cuidados mais simples com a pele do idoso. Micoses podem surgir em áreas que houver muita umidade, por falta de cuidado ao enxugamento correto dos pés ou dobras. As dermatites e alergias surgem por excesso de ressecamento ou contato com produtos químicos agressivos, como sabões, produtos de limpeza, inseticidas e cloro, entre outros. O ideal é evitar contato com esses produtos químicos fortes, pois há maior propensão a alergias e intoxicações. A principal e mais perigosa doença é o câncer de pele que ocorre por falta de proteção solar adequada ou exposição excessiva ao longo da vida.

Também é muito importante o idoso manter uma alimentação balanceada, rica em frutas, legumes e verduras, pois são alimentos com numerosas vitaminas, minerais e antioxidantes, nutrientes que combatem os radicais livres e contribuem para a saúde da pele. Beber uma boa quantidade de água ajuda a diminuir o ressecamento da pele e a mantê-la viçosa e com aspecto saudável.

cristina_aguiar

Cristina Aguiar

Cristina Aguiar é publicitária, geminiana e chocólatra. Graduada pela Faculdade Integrada Cantareira, atua como designer gráfica na Gráfica Riomar. Escreve em blogs e sites. Interessa-se por artes e pelo SER humano.