Humanização no Tratamento ao Idoso

A humanização no tratamento ao idoso passou a ser uma preocupação dos profissionais de saúde, devido às condições especiais que estes indivíduos apresentam. Quando se trata de uma pessoa idosa, é importante que a equipe responsável conte com profissionais bem preparados para entender o envelhecimento e suas possíveis patologias, com cuidados de enfermagem específicos. É importante também acompanhar o estado emocional do idoso, ficando atento às suas necessidades, além de respeitarem sua independência, garantindo assim a dignidade do cliente.

O tratamento humanizado de idosos residentes em casas de repouso não deve ser visto somente pelas condições adequadas fornecidas pelos serviços de saúde, mas também como articulador entre assistência e as relações humanas entre idosos, família e cuidadores. Entende-se que se cuidar é um ato realizado com o coração. Quem cuida procura ter empatia e atender às necessidades do paciente, com verdadeiro interesse e atenção para com o outro, especificamente com os idosos, pela carência em que muitas vezes se encontram.

 

 

É necessário que se entenda o idoso, incentivando sua autonomia perante sua recuperação, pois nessa fase eles podem facilmente mudar de independente para dependente. O medo de ter de depender de alguém do dia para a noite faz com que muitos idosos omitam informações nas consultas. O maior receio do idoso não é a morte, mas sim a possibilidade de dor física, incapacidade profissional e uma completa dependência econômica. Tudo aumenta e perdura quando o idoso é esquecido ou abandonado. 

Em relação à saúde do idoso, é importante que o tratamento humanizado proporcione um envelhecimento saudável, visando a importância da atenção ao idoso. Este processo se tornará mais eficaz e terá melhores resultados quando focarem na importância da promoção e proteção à saúde, dando preferência à prevenção. Está assegurado ao idoso o direito de oportunidades e facilidades que estimulem a sua saúde física e mental, em condições de liberdade e dignidade.

Aos familiares, a importância da humanização na saúde e humanização na enfermagem pela equipe responsável é transmitir segurança e tranqüilidade tanto em caso de tratamentos e internações, como no caso de hospedagem fixa em casa de repouso, com uma estrutura personalizada e compatível com as suas reais necessidades.

 

Posted in:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *